Marketing SEO Social Media

O que é e em que me pode ajudar o marketing de influencers?

Marketing de influencers

Descubra em que consiste esta estratégia de marketing utilizada há muito tempo pelas marcas mais importantes e, desde há menos tempo, por todos aqueles que trabalham ou que possuem um negócio online.

É seguro assumir que, sobretudo neste últimos anos, já ouviu ou leu estas palavras em referência a diferentes tipos de pessoas: influencer, youtuber, blogger, instagramer. Quem são essas pessoas e porque recebem essas denominações? Em que podem essas pessoas ajudar a aumentar as vendas de uma loja dropshipping? Como é que pode estabelecer uma campanha de marketing de influencers no seu e-commerce? Responderemos a todas essas questões (e a mais algumas) neste artigo..

 

Comecemos pelo princípio: o que é o marketing de influencers?

Trata-se de uma nova (e ao mesmo tempo antiga) estratégia de marketing online que consiste em contactar pessoas de um certo protagonismo em diferentes setores da Internet para que falem de uma forma positiva sobre os seus produtos ou serviços. Dizemos tratar-se de uma estratégia simultanamente nova e antiga porque contar com pessoas relevantes ou influentes em campanhas publicitárias é algo muito habitual. No entanto, uma pessoa famosa não é o mesmo que um influencer.

 

Quem pode ser considerado um influencer?

Está mais do que provado que os consumidores, especialmente os que procuram produtos e/ou serviços através da Internet, procuram opiniões de utilizadores semelhantes na hora de tomar a decisão de fazer (ou não) a compra. Partindo desse facto, os influencers online são pessoas com muito protagonismo neste mesmo meio que, por algum motivo, têm charme e são capazes de se converter numa referência para milhões de pessoas ansiosas por conhecer as suas últimas aquisições, experiências ou opiniões. 

Os influencers são assim um grupo bastante heterogéneo de pessoas, sendo que existem para todos os setores e temas: amantes do desporto e da vida saudável, especialistas em jogos de vídeo ou pessoas com imenso conhecimento do mundo empresarial. É difícil de encontrar uma empresa que se dedique a um tema que não tenha um influencer, com um número importante de seguidores, a ele associado.

 

marketing-influencers

 

Que tipos de influencers existem?

Os influencers conseguem converter-se em pessoas conhecidas no mundo online através de diferentes canais de comunicação. Em função do canal em que tenham mais relevância, podem ser de um tipo ou outro:

  • Bloggers: são redatores ou autores de blogs nos quais abordam todos os tipos de temáticas. Pelo conteúdo que redigem, conseguiram obter um elevado volume de leitores e pessoas que seguem as suas opiniões. Em função do número de leitores e da relevância dos artigos, os bloggers podem converter-se em autênticos líderes de opinião.
  • Instagramers: são uma comunidade de utilizadores da aplicação Instagram que, pelo tipo de fotografias que publicam e partilham, conseguem ter também uma enorme quantidade de seguidores, que adoram aquilo que eles capturam com as câmaras dos seus telemóveis.
  • Youtubers: são utilizadores profissionais da plataforma de vídeo YouTube que realizam, editam e partilham vídeos com opiniões, experiências, conselhos ou guias sobre qualquer temática.

Todas estas pessoas partilham a influência que têm nos seus seguidores, assim como o partido económico que tiram do seu canal de comunicação online. Esta monetização, na maioria dos casos, é conseguida através de patrocínios que as marcas lhes pagam pela publicidade que fazem dos seus produtos ou serviços.

 

Vantagens do marketing de influencers para o negócio

Se o seu negócio online é um e-commerce ou loja dropshipping de produtos como os que temos à sua disposição na BigBuy, o marketing de influencers pode ser muito eficaz e uma grande ajuda para aumentar as vendas.

  • Trata-se de publicidade nativa: os cibernautas não gostam de receber impactos publicitários diretos e invasivos. O feito de um influencer falar bem sobre o seu produto e explicar o seu funcionamento e vantagens penetra de uma forma mais natural nos utilizadores, estando estes mais inclinados a prestar atenção e a desejar deixarem-se levar por estas opiniões.
  • Melhora a reputação e confiança: os influencers, por muito que lhes possam pagar, têm na sua maioria um critério definido. Isto é, não se costumam “deixar comprar” por produtos ou marcas que lhes possam trazer uma má reputação. Por outras palavras, se o produto ou serviço proposto for de má qualidade, não têm por hábito aceitar a colaboração.
  • Aumenta a conversão: está demonstrado e estudado que a opinião dos influencers aumenta a intenção de compra dos seguidores. É importante saber aproveitar isto e, na hora de estabelecer um contrato com o influencer selecionado, não acordar só numa colaboração em forma de review mas acordar também a inclusão de links para o e-commerce, planear concursos ou sorteios. Pode ainda acordar uma comissão com o influencer, de modo a que sempre que alguém compre produtos na sua loja online utilizando um código promocional partilhado pelo influencer, este receba uma compensação monetária.
  • Melhora o posicionamento SEO: um ponto normal na hora de acordar uma colaboração com um influencer é que este inclua um link no seu blog ou rede social para o seu e-commerce. Já conhece a importância do linkbuilding off-site para o SEO, e assim já o pode pôr em prática.

 

Que tipos de patrocínios se podem estabelecer com os influencers?

Já conhecemos as bases para desenvolver estratégias de marketing de influencers. Desse modo, falta agora a parte prática da colaboração, ou seja, estabelecer ações concretas.

Alguns exemplos são os seguintes:

  • Guest posting ou reviews de produto: já tínhamos falado sobre as vantagens do guest posting neste tipo de colaboração neste blog. Trata-se da procura de redatores externos (se possível de uma certa reputação) para a publicação de posts nos seus blogs.
  • Product placement: este tipo de ação consiste em fazer menções subtis e/ou colocar produtos do seu e-commerce em diferentes cenários controlados por influencers. Por exemplo: uma foto de um instagrammer ou um vídeo de um youtuber. Podem utilizar um produto seu, mas sem falar diretamente dele.
  • Secções patrocinadas: existem bloggers que, dentro do seu website, têm secções patrocinadas por uma marca ou empresa. Por exemplo, se a sua loja online for de produtos de cozinha, porque não falar com um blogger cozinheiro e criar uma secção de receitas realizadas com os seus produtos?

 

De uma forma geral, esta informação é a mais relevante para conhecer o que é e em que consiste o marketing de influencers. Agora basta apenas detetar que pessoas seriam as mais adequadas para chegar ao seu público-alvo e estabelecer colaborações produtivas com elas.

O que é e em que me pode ajudar o marketing de influencers?
Rate this post

Artigos relacionados

Deixe o seu comentário